I Guerra Mundial

Os atritos entre a Tríplice Entente (França, Inglaterra e Rússia) e a Tríplice Aliança (Itália, Alemanha e Áustria) levou o mundo a sua primeira guerra mundial. Os ressentimentos nacionalistas e as rivalidades econômicas eram pontos permanentes do conflito. A guerra durou quatro anos, foi de 1914 a 1918.

O estopim foi em Sarajevo, capital da Bósnia, onde o arquiduque Francisco Ferdinando, herdeiro do trono austríaco, e sua esposa foram assassinados por um estudante bósnio, em 28 de junho de 1914. A Áustria ameaçou a Sérvia de guerra caso não cumprisse algumas exigências, uma delas a investigação do ocorrido por oficiais austríacos. A Alemanha apoiou a Áustria. Porém a Rússia aconselhou a Sérvia e ela não aceitou as exigências da Áustria. Então a Áustria declarou guerra a Sérvia com o apoio dos alemães, que declararam guerra à Rússia e depois aos franceses. A Itália, num primeiro momento, declarou-se neutra. Já a Inglaterra declarou guerra à Alemanha depois que o país violou a neutralidade invadindo a Bélgica, para atacar a França. Durante a guerra, outras nações se envolveram.

Os alemães deram o primeiro passo, atacaram a Franca, invadindo a Bélgica e logo se voltaram contra os russos, após a rendição francesa. O governo francês saiu de Paris e foi para Bourdeaux e, logo depois, em outra batalha, contiveram os alemães que recuaram.

Os Estados Unidos entraram na guerra depois que a Rússia saiu, em razão da Revolução Russa, em 1917. A entrada dos Estados Unidos beneficiou a Entente. A Rússia assinou um acordo de paz com a Alemanha, depois de sua saída da guerra, o que favoreceu a Alemanha. Logo depois, a Alemanha rompeu os Alpes, invadiu Veneza e iniciou um bombardeio em Paris. Os aliados revidaram e venceram os alemães e os austríacos foram vencidos pela Itália e abandonaram a guerra. A Alemanha não podia mais vencer a guerra e, diante da derrota militar e a revoltar popular, Guilherme II abdicou e a república foi proclamada em 9 de novembro de 1918. No dia 11, o governo alemão assinou o armistício aceitando as condições dos aliados.

As consequências da guerra foram 8 milhões de pessoas mortas, 20 milhões de pessoas ficaram inválidas, os danos econômicos foram enormes, a dívida externa cresceu e as moedas europeias sofreram desvalorização em relação ao dólar. A economia dos Estados Unidos saiu fortalecida e seu território não sofreu agressão durante a guerra, o que os beneficiou em exportações e a renda nacional dobrou, tudo isso fez com que eles virassem a maior potência mundial.

O Brasil participou da guerra. Em 1917, os alemães afundaram um navio mercante brasileiro, o que levou o Brasil a romper relações com os alemães e a declara guerra a eles. O Brasil enviou médicos e soldados para ajudar a Entente e colocou a disposição barcos de guerra da marinha.

Com o fim da guerra, 25 países se reuniram em janeiro de 1919 para discutir a paz, porém nem os derrotados e nem a Rússia estavam presentes. Os Estados Unidos propuseram a criação de uma Sociedade das Nações, que foi fundada em 28 de abril de 1919, com o objetivo de ser árbitro nas questões internacionais e imposição de sanções contra a nação culpada. Inglaterra e França buscavam ampliar seus mercados e a França exigia o desarmamento alemão e indenizações de guerra. As imposições foram dispostas à Alemanha num tratado assinado no palácio de Versalhes. Neste tratado os alemães perderiam territórios, teriam ainda perdas militares e financeiras:

  • Alsácia-Lorena foi cedida à França;
  • Polônia torna-se independente;
  • As colônias na África foram incorporadas a Inglaterra, Francia e Bélgica;
  • As colônias do pacífico passaram para o domínio japonês e inglês;
  • O exercito foi reduzido a 100 mil homens;
  • 132 milhões de marcos-ouro de indenizações e pensões a pagar.

Fonte: http://www.culturabrasil.org/primeiraguerramundial.htm

Referências

Arruda, José Jobson de A.; Piletti, Nelson. Toda a História – História Geral e História do Brasil, 8ª edição, editora Ática.

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: